Ligadura elástica

A ligadura elástica é um método mecânico de hemostasia (conjunto de mecanismos que faz cessar uma hemorragia  ou sangramento), considerada atualmente, o tratamento de escolha para varizes esofágicas com sangramento agudo ou na sua erradicação. Também  vem sendo utilizada no tratamento de outras patologias com angiodisplasias, síndrome de Dieulafoy, sangramentos pós polipectomia entre outras.

Atualmente existem vários sistemas de ligadura elástica disponíveis no mercado. Independente do modelo escolhido, a forma de utilização  e  de funcionamento são parecidos.

O dispositivo é formado por um cap situado na ponta do aparelho, ao redor do qual ficam posicionados os anéis elásticos, em número  variável. Os anéis serão liberados para ao redor do tecido (varicoso ou não) que for aspirado para dentro do cap.

Desta forma, uma vez identificada a varize ou a lesão a ser tratada, aspira-se para dentro do cap plástico. Em seguida o fio que movimenta os anéis é tracionado, liberando um dos anéis elásticos em volta do tecido aspirado. Após a liberação, a aspiração é interrompida e o tecido liberado. Observa-se então a formação de uma estrutura polipoide com o anel em sua base.

Em 7 a 10 dias ocorre necrose do tecido apreendido com formação de uma úlcera em sua base. Após algumas semanas ocorre cicatrização completa do local.

No caso do tratamento específico das varizes esofagianas, nova sessão de ligadura elástica deverá ser realizada após 3 a 4 semanas. Geralmente para erradicação das varizes esofagianas, é necessário em média 04 sessões. São disparados em média entre 4 a 6 elásticos por sessão.

Em nosso serviço, esse procedimento é realizado sob sedação venosa, assistida ou não pelo anestesista, dependendo o perfil do paciente.

O paciente pode apresentar um grau de disfagia ( dificuldade de deglutição) e odinofagia (Sensação de dor na faringe, durante a deglutição de alimentos sólidos ou líquidos) , provocado pelas várias formações polipóides  secundárias as ligaduras elásticas, devendo ingerir apenas alimentos líquidos e pastosos e macerar os comprimidos nos primeiros dias.